“Especialista holandês diz que Copa cataliza melhoria nos estádios do Brasil, mas não deve ser a finalidade da gestão das arenas”

Ben Veenbrink
Foto Ben Veenbrink O holandês Ben Veenbrink é formado desde 1993 em engenharia pela Eindhoven University of Technology, da Holanda. Em 98, após quase quatro anos atuando na multinacional Gemco, ele foi contratado pela Philips holandesa para atuar como Gerente de Vendas para Europa, África e Oriente Médio. No ano 2000, Veenbrink passou a trabalhar diretamente com a gestão de arenas esportivas, assumindo o cargo de gerente geral da Amsterdam ArenA Advisory, empresa gestora de arenas esportivas, entre elas do estádio Amsterdam Arena, em Amsterdã, na Holanda. Na empresa, Veenbrink atuou como consultor dos projetos de montagem de arenas esportivas em todo o mundo. A partir daí, passou a ser conhecido como um dos "papas" do assunto na Europa. Desde julho de 2005 ele é o diretor do Euroborg Stadium, na cidade de Groningen, na Holanda. Lá, ele foi o responsável pela captação de patrocínio para a construção da arena, além de ser o coordenador de todo o processo de construção e manutenção do estádio. Meio ano depois, em janeiro de 2006, o executivo fundou ao lado de outras duas pessoas o EVMI (European Venue Management Institute), entidade sem fins lucrativos voltada para a discussão e formação de gestores de arenas na Europa. Na mesma época, Veenbrink fundou a empresa de consultoria em gestão de estádios The Stadium Consultancy BV. Pouco depois, em julho, ele se tornou membro da divisão de Construção e Gestão de Estádios da Uefa, entidade que comanda o futebol europeu.

Número do dia

30 milhões

de dólares deve investir o governo argentino para capacitar o autódromo de Buenos Aires para poder receber uma prova da Fórmula 1.

Autoline

Patrocinado por



Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Sem Rio Open, Asics recorre a emboscada no evento
2Novo contrato entre Ferrari e Philip Morris quer “um mundo livre do fumo”
3Bayern de Munique substitui parceria com Lufthansa por Qatar Airways
4Patrocinadores diversificam ativações no Rio Open
5Adidas põe 3 listras em 6 das 10 camisas mais vendidas do futebol
6Corinthians amplia contrato com a Nike até 2029
7Entre abertas e pagas, Brasil Open fecha com quatro emissoras
8Por reputação mundial, Petrobras retorna à F1 com a McLaren
9Argentina negocia para voltar a receber Fórmula 1 em 2019
10Barcelona acredita em 1 bilhão de euros em receitas antes de 2021