Vista da quadra em final do NBB

O Salvador/Universo será a grande novidade para a próxima temporada do NBB (Novo Basquete Brasil). O torneio, que começa no final de outubro, teve confirmadas 16 equipes.

 

“Vejo com muita alegria essa mudança. Salvador é a nossa terceira capital mais populosa. Quando fizemos o Jogo das Estrelas em Fortaleza, Salvador foi quem nos deu mais audiência, com 10% na Globo. Também é, junto com Curitiba, a maior audiência do nosso site”, afirmou Sergio Domenici, gerente-executivo do NBB.

É a primeira vez que uma equipe do Estado irá disputar a principal competição de clubes de basquete do país. Inicialmente, Wellington Salgado de Oliveira, dono da franquia da Unit/Uberlândia, iria fechar o time. Para compor 16 clubes na primeira divisão, a direção do NBB chegou a oferecer a vaga do time mineiro para Campo Mourão (PR) e Sport Recife (PE).

A solução veio após Wellington conseguir apoio para migrar o time de Uberlândia para Salvador. “Essa mudança é duplamente positiva. Primeiro porque se trata de um sócio fundador da LNB [Liga Nacional de Basquete]. Em segundo lugar, teremos um novo mercado e duas equipes do Nordeste”, afirmou Cássio Roque, presidente da LNB.

Outra novidade é a presença do Caxias do Sul/Banrisul, que volta a colocar uma equipe do sul do país na competição. A região não contava com um representante desde a saída do Joinville, em 2013. O time gaúcho ganhou a última edição Copa Ouro, torneio de acesso ao NBB.

“A volta do Rio Grande do Sul ao NBB é muito importante. O Estado tem uma tradição imensa na modalidade e muitos atletas que hoje disputam o NBB são nascidos e criados por lá”, afirmou Vítor Jacob, diretor técnico da LNB.

Outra alteração no quadro de equipes é a manutenção da Liga Sorocabana na elite. A equipe do interior paulista havia sido rebaixada. Mas com a desistência do Palmeiras de manter seu time no NBB, o clube acabou ficando com a vaga.

As demais equipes que irão disputar o campeonato são: Solar Cearense (CE), Paschoalotto/Bauru (SP), UniCeub/BRB/Brasília (DF), Flamengo (RJ), Franca (SP), Limeira/Winner (SP), Macaé (RJ), Minas (MG), Mogi das Cruzes/Helbor (SP), Paulistano/Unimed (SP), Pinheiros (SP), Rio Claro (SP) e São José (SP).

 


Notícia NBB Salvador Caxias do Sul