A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) realizou nesta quarta-feira suas eleições presidenciais. O pleito serviu para que Rubens Lopes, que ocupava o cargo interinamente, fosse efetivado, após vitória sobre o concorrente Francisco Horta. O novo mandato começa no próximo ano. "Acho que o grande vencedor aqui foi a democracia. Tudo se realizou dentro de grande tranqüilidade e com toda a lisura necessária, com todos agindo dentro do bom comportamento. Espero agora que todos venham a aceitar esse resultado", afirmou Lopes à ?Rádio Tupi?. Apesar do apoio de Flamengo, Botafogo e América-RJ, o ex-presidente do Fluminense Francisco Horta não conseguiu bater o seu oponente, que assumiu o cargo após a morte do Eduardo Viana, o então mandatário da entidade. No total, a chapa da situação recebeu 269 votos, contra 29 dos oposicionistas.


Notícia Direito e Política