A Semp acertou com o Santos e voltou a patrocinar o clube paulista. Com acordo até o fim deste ano, a empresa ficará com a marca exposta nas mangas do uniforme do time. Dessa maneira, a equipe paulista terá algo em comum com os árbitros do Campeonato Brasileiro.

Em abril, a TCL, que faz parte do mesmo joint venture que pertence a Semp, anunciou o patrocínio aos uniformes de árbitro do Brasileirão. Foi a mesma estratégia adotada pela empresa na Copa do Nordeste e na final da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

A ideia já esteve presente no Brasil e já foi vetada pela Fifa. Em 2015, a Crefisa resolveu patrocinar os árbitros do Campeonato Paulista, o que gerou incômodo nos clubes pela forte relação da empresa com o Palmeiras. Na época, a entidade máxima do futebol recomendou à Federação Paulista que cancelasse o aporte, orientação que foi seguida.    

Essa será a segunda passagem da marca de eletrônicos no Santos com um contrato mais longo. Na primeira, em 2007, a companhia ficou no espaço máster, hoje ocupada pela Caixa. No atual uniforme santista, ainda há a Algar na barra traseira e a Thinkseg nas costas. A Semp entrará no lugar onde estava exposta a marca da Sill.

Pontualmente, a marca também esteve presente mais recentemente. Neste ano, a Semp fez um aporte no jogo contra o Santa Fé, da Colômbia, pela Libertadores.

“A conexão da marca com os brasileiros é fundamental e enxergamos o futebol como a ponte perfeita para atingir esse objetivo, já que também somos apaixonados pelo esporte”, justificou o vice-presidente da Semp TCL, Yue Haiping, em nota.

A empresa também lembrou a conexão do esporte com o atual conceito da empresa, “Presente em seus bons momentos’, exposto nas comunicações da marca.


Notícia Semp TCL Santos CBF Fifa