Schumacher esquia na época da Ferrari

O ex-piloto Michael Schumacher, há três anos em coma, perdeu mais dois patrocinadores no início do ano, próximo da data em que completou 48 anos (3 de janeiro). A Audemars Piguet (relógios de luxo) e a Hormann (fechaduras) não fazem parte mais de sua lista de patrocinadores. 

A empresa suíça havia lançado inclusive uma coleção de relógios em homenagem ao heptacampeão da Fórmula 1. A partir de agora, as peças, não fazem mais parte do catálogo.

Os últimos anúncios de Audemar Piguet e Hormann com Schumacher foram divulgados em 2012 e 2013, alguns meses antes do acidente de esqui que sofreu o alemão nos Alpes suíços. Em fevereiro do ano passado, a relojoaria havia dedicado uma homenagem em vídeo a Schumacher.

As duas empresas se unem a Jet Set, Navyboot, Rosbacher e Erlinyou, que já haviam abandonado o ex-piloto. Outros patrocinadores permanecem com Schumacher, mas negociaram uma redução no valor do pagamento. Apesar dos reveses, o piloto é o quinto atleta que mais faturou em sua carreira, segundo números divulgados recentemente pela revista Forbes. 

Atualmente, o principal parceiro comercial de Schumacher é a Deutsche Vermogensberatung, que tem contrato com o piloto desde 1996. A investidora também é patrocinadora de Mick, filho de Schumacher, que disputa a Fórmula 4. Mercedes-Benz,

Schuberth completa a lista de patrocinadores de Schumacher. Também colaboram com as despesas médicas do piloto as últimas equipes que o alemão integrou: Ferrari e Mercedes.


Notícia Michael Schumacher Audemars Piguet Hormann Patrocínio

Número do dia

206 milhões

De reais é a renda bruta de bilheteria da Arena Corinthians desde a sua inauguração, antes da Copa de 2014.

Autoline

Patrocinado por



Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Com Corinthians, Spotify esquenta briga entre aplicativos
2Mesmo com estatuto, São Paulo tem novo escândalo
3Coritiba fecha patrocínio pontual com empresa de impressão
4Cambuci, dona da Penalty, tem prejuízo de R$ 5,9 milhões em três meses
5Com investidores, Michael Jordan e Derek Jeter compram Miami Marlins
6Clássico eleva audiência da Copa do Brasil no Rio
7Análise: Conhecer o cliente é a próxima tarefa dos clubes no Brasil
8Mayweather cobrará 25 milhões de dólares por uso de espaço em suas roupas
9Messi e Suárez são armas de Argentina e Uruguai para sediarem Mundial de 2030
10Estados Unidos apresenta lista de 49 estádios para sediar Copa 2026