Djokovic durante a disputa do Masters 1000 de Roma

O Masters 1000 de Roma renovou o contrato de patrocínio com o BNL (Banca Nazionale del Lavoro).

Com isso, a competição italiana continuará sendo chamada de Internazionali BNL d’Italia.

O contrato entre a companhia e o torneio, que será disputado neste ano no Foro Itálico de Roma, tem duração de seis anos, com possibilidade de prorrogação por mais dois.

A filial da financeira BNP Paribas dá nome à competição desde 2007.

“Não sei exatamente se poderá ser o maior acordo de patrocínio da história do esporte italiano, ainda que para nós se trata da confiança necessária para seguir crescendo a médio prazo”, afirmou Angelo Binaghi, presidente da federação italiana de tênis.

Além da BNL, também são patrocinadores oficiais do torneio Emirates, FedEx e Peugeot, também parceiras comerciais da ATP em nível global. Dunlop, Ricoh, Algida, Powerade, Frecciarossa, Tiscali, Levissima e Australian também são apoiadoras da competição.


Notícia Masters 1000 de Roma BNL Patrocínio Naming Rights

Número do dia

R$ 151 mi

Faturou o Palmeiras nos quatro primeiros meses deste ano; valor é R$ 39,5 milhões maior em relação a 2016.

Autoline

Patrocinado por



Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Poty expande contrato e coloca água no São Paulo
2Cinemark exibe Copa do Brasil nos cinemas
3Europeus abrem uniformes e ganham novas marcas
4Após ação com torcedores, Adidas lança 3º uniforme de clubes
5Nike apresenta uniformes para nova temporada da NBA
6Internacional faz enquete para nomear sócio-torcedor popular
7Palmeiras gera nova alta na audiência da Globo
8Em novo clássico nacional, Globo mantém alta no Ibope
9Grêmio fecha com rede de lojas parceira da Apple
10Juventus oficializa patrocínio na barra da camisa