Às vésperas da Copa do Mundo, o Bomnegócio.com conseguiu inserir o futebol na publicidade sem mudar o que vem fazendo consistentemente há alguns meses. Diego Armando Maradona foi contratado para uma propaganda em que faz o papel de uma irritante poltrona. Brasileiros lamentam uma jogada perdida, e o argentino começa a provocar.

A ideia é exatamente a mesma de várias propagandas anteriores. Já participaram Supla, Compadre Washington e Sérgio Malandro. Um móvel ganha a cabeça de um personagem que incomoda os donos até que eles decidem colocá-lo à venda no site. Com Maradona, o Bomnegócio.com consegue tirar uma casquinha da Copa sem investir um real em patrocínios.

A campanha foi desenvolvida pela agência de publicidade NBS, que ganhou a conta do site em outubro de 2011 e tem entre outros clientes Oi, Coca-Cola e Petrobras. A filmagem com Maradona foi feita em Dubai, no Oriente Médio, onde ele ganhou o cargo de embaixador do esporte do Conselho de Esportes da cidade. O comercial com o ex-jogador de futebol argentino vai ser veiculado nacionalmente e começa nesta sexta-feira (16) em TVs aberta e fechada.


Notícia Maradona Bomnegócio.com Publicidade Mídia Copa do Mundo

Número do dia

206 milhões

De reais é a renda bruta de bilheteria da Arena Corinthians desde a sua inauguração, antes da Copa de 2014.

Autoline

Patrocinado por



Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Com Corinthians, Spotify esquenta briga entre aplicativos
2Dez empresas disputarão licitação para gerir comercializações da Conmebol
3Patrocinadora, Evonik compra parte de Borussia Dortmund por R$ 80 milhões
4 CBF confirma criação da Série D
5Vereador apresenta projeto de lei para São Paulo não perder CT em 2022
6Unicred faz 1ª campanha publicitária com Cesar Cielo
7Mayweather cobrará 25 milhões de dólares por uso de espaço em suas roupas
8Tom Brady esconde logotipo da Nike e reativa batalha de marcas na NFL
9Com investidores, Michael Jordan e Derek Jeter compram Miami Marlins
10Análise: Conhecer o cliente é a próxima tarefa dos clubes no Brasil