A Liberty Media, dona da Fórmula 1, deu mais um passo em seu plano de expansão digital da principal categoria do automobilismo mundial. A empresa fechou um acordo com o Twitter e vai transmitir um programa após cada corrida do calendário com exclusividade na conta oficial da F1 na rede social.

Foto: Reprodução / Twitter (@MercedesAMGF1)

Batizado de “F1 Live Show”, o programa entrará ao vivo logo após a cerimônia do pódio e contará com a participação de ex-pilotos da Fórmula 1, como Nico Rosberg, campeão de 2016, além de entrevistas com pilotos, engenheiros e chefes de equipe sobre tudo o que aconteceu durante o final de semana em questão.

A apresentação será de Will Buxton, repórter de Fórmula 1 da NBC e da NBCSN nos Estados Unidos, com mais de uma década de experiência em cobertura do esporte a motor.

O acordo é o último degrau que a Liberty Media sobe na expansão digital da Fórmula 1. A estreia do “F1 Live Show” será no Grande Prêmio da Espanha, em 13 de maio, e coincidirá com o lançamento da F1 TV, nova plataforma de streaming da categoria que foi divulgada em fevereiro.

“Logo após o anúncio do lançamento da F1 TV, estamos entusiasmados em anunciar uma nova iniciativa que visa expandir nossa estratégia de participação e monetização de fãs no Twitter. O Twitter chegou até nós com ênfase na coprodução de conteúdo ao vivo original para estender o diálogo do fim de semana de corrida. Dada a forma como sua plataforma atende a conversas sobre eventos globais ao vivo, o ajuste estratégico era perfeito. Estamos entusiasmados em fazer uma parceria com eles para este programa em 2018”, revelou Frank Arthofer, diretor de novos negócios e negócios digitais da Fórmula 1.

“Estamos empolgados em colaborar com a Fórmula 1 para trazer um show diário exclusivo, análise especializada e destaques em vídeo do campeonato de 2018, juntamente a uma melhor conversa em tempo real. Os apaixonados fãs de Fórmula 1 não precisarão procurar nada além do Twitter para descobrir tudo o que está acontecendo ao longo da temporada”, afirmou Theo Luke, diretor de parcerias esportivas do Twitter para Europa, Oriente Médio e África.

O Twitter ainda informou que o programa estará disponível globalmente e acessível via celular e também pela web.


Notícia Fórmula 1 F1 Twitter F1 Live Show streaming mídias sociais Liberty Media mídia