Foto: Divulgação

A Fila será a marca esportiva oficial do Rio Open pelo segundo ano seguido. A parceria entre a marca italiana que hoje tem sua sede na Coreia do Sul e o maior torneio de tênis da América do Sul teve início neste ano e foi considerada por ambos um sucesso.

O anúncio foi feito na coletiva de lançamento do Rio Open 2018, realizada nesta terça-feira (5), no Rio de Janeiro. A coleção desenhada pela Fila exclusivamente para o torneio vestirá árbitros, boleiros e todo o pessoal de staff.

Durante o evento, a surpresa ficou por conta do desfile que mostrou as peças ao público. Os modelos foram oito jovens de comunidades carentes que são atendidas por projetos sociais apoiados pelo torneio. Com vários detalhes e diversas cores, as roupas tiveram um bom entrosamento com a alegria estampada no rosto de cada modelo.

“É uma imensa satisfação para o Rio Open ter a Fila, uma marca de tanta tradição no tênis, como nossa parceira, fazendo uma linha exclusiva para o nosso evento e estando presente conosco nos principais momentos do torneio ao longo do ano”, afirmou Luiz Carvalho, diretor do Rio Open.

“Estar presente no Rio Open contribui de forma extraordinária para o crescimento da marca no tênis no Brasil e também fortalece todo o posicionamento da Fila globalmente na modalidade”, disse Felipe Rosa, gerente de marketing da Fila Brasil.

O Rio Open 2018 será disputado entre os dias 19 e 25 de fevereiro do ano que vem. As peças exclusivas do torneio poderão ser adquiridas pelo público do dia 17 ao dia 25, na Fila Store do Jockey Club Brasileiro, local da competição.

Dentro de quadra, alguns dos melhores tenistas do mundo já estão confirmados. Os destaques são três Top 10: o atual campeão do torneio e número 5 do mundo, o austríaco Dominic Thiem; o croata Marin Cilic, sexto colocado no ranking da ATP; e o espanhol Pablo Carreño Busta, atual número 10 do mundo.


Notícia Fila Rio Open tênis coleção roupa uniforme modelo desfile

Número do dia

350 mil

euros deve receber cada jogador da Alemanha por uma eventual conquista da Copa do Mundo de 2018, disse a federação alemã.

Autoline

Patrocinado por



Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Fifa ameaça tirar a Espanha da Copa do Mundo de 2018
2Bundesliga cria regra, e clubes terão funcionários dedicados aos torcedores
3Disney compra parte da Fox em transação bilionária e cresce no esporte
4Globo bate recorde de audiência no RJ com o Flamengo
5Corinthians amplia contrato com a Nike até 2029
6Análise: Fox decide abrir mão de briga do streaming
7TOP 10 – Os dez clubes de maior destaque na última década
8Arena de Pernambuco será palco do primeiro jogo do Barcelona no Brasil
9Puma vibra com conquista do Independiente na Sul-Americana
10Estados Unidos querem ser sede permanente de Copa América