A Discovery, proprietária da emissora pan-europeia Eurosport, anunciou nesta segunda-feira (4) a compra dos direitos internacionais do PGA Tour, principal circuito de torneios de golfe do mundo. O acordo foi assinado por 12 anos e passará a valer a partir de 2019.

Segundo a emissora americana Bloomberg, a promessa da Discovery é a criação e o desenvolvimento de um serviço de streaming “ao estilo Netflix” para fazer parte da cobertura do circuito. Vale ressaltar que o contrato engloba os direitos de televisão e também on-line do PGA Tour e foi fechado por US$ 2 bilhões.

Foto: Reprodução / Twitter (@PGATOUR)

“Acreditamos que o PGA Tour é o IP esportivo internacional mais atraente do mundo. Após o sucesso dos Jogos Olímpicos de Inverno de PyeongChang, a Discovery contribuirá com sua forte infraestrutura de distribuição e promoção global, relações no mercado, conhecimento esportivo global com plataformas e marcas direcionadas ao consumidor para criar uma valiosa nova casa de golfe de longo prazo em todos os mercados fora dos EUA”, afirmou o CEO da Discovery, David Zaslav.

“Este é um próximo passo interessante para o PGA Tour, que apresenta uma tremenda oportunidade para acelerar e expandir nossos negócios de mídia fora dos Estados Unidos, atender melhor nossos parceiros de transmissão internacional e impulsionar o crescimento de fãs com um parceiro global estratégico profundamente experiente. Esta parceria está muito bem alinhada com a abertura dos escritórios do PGA Tour em Londres, Tóquio e Pequim nos últimos anos e apoiará nossos objetivos de longo prazo de crescimento do golfe. Também vai oferecer mais valor aos nossos patrocinadores, uma vez que apresenta uma tremenda oportunidade de envolver novos e diversos públicos em todo o mundo”, declarou o comissário do PGA Tour, Jay Monahan.

O acordo de longo prazo mostra o esforço da Discovery em se tornar uma participante significativa no meio das transmissões esportivas. O contrato assinado com o PGA Tour é o maior da gigante da mídia desde 2015, quando assinou com o COI pelos direitos dos Jogos Olímpicos de 2018 a 2024 na Europa por US$ 1,5 bilhão.

A Discovery já divulgou que, além da plataforma de streaming que será criada, os torneios de golfe serão transmitidos também por seus canais de televisão regulares e pelo seu serviço on-line já existente, o Eurosport Player.

A nova aposta da emissora no esporte vai acabar com as transmissões de golfe em outros canais europeus importantes, como a Sky Sports, que chegou a lançar um canal dedicado ao golfe no ano passado como apoio para sua cobertura. A única possibilidade dessas emissoras será aceitar um possível acordo de sublicenciamento que deve ser proposto pela Discovery.


Notícia Discovery PGA Tour golfe marketing mídia mercado streaming vídeo direitos internacionais