Ceará está na oitava posição na Série B do Campeonato Brasileiro

Ceará está na oitava posição na Série B do Campeonato Brasileiro

O Ceará estreou um novo visual na última terça-feira, em São Caetano do Sul, no revés por 2 a 0 para o São Caetano. O time visitante usou pela primeira vez a marca da Rihomo, nova patrocinadora das mangas das camisas alvinegras. No entanto, isso não resolve totalmente a situação dos patrocínios do clube nordestino para a temporada 2012. A cota máster, que inclui o espaço mais nobre do uniforme, continua vaga.

Até o fim do ano passado, a cota máster do Ceará era da companhia Hypermarcas, que estampava no local a marca de genéricos Neo Química. Contudo, a empresa passou por um reposicionamento no esporte, reduziu investimentos no segmento e não renovou o contrato com a equipe alvinegra.

A diretoria do Ceará recorreu então a um patrocínio atrelado à cota de TV. No Estadual, o time alvinegro teve um aporte da Nacional Gás, empresa que faz parte do mesmo grupo da TV Verdes Mares, responsável pela transmissão do Campeonato Cearense.

O Ceará também estampou a marca das Óticas Bóris no uniforme. A rede tem 72 unidades, maior contingente do Estado, e apareceu na camisa alvinegra nos dois duelos contra o Fortaleza, válido pela decisão do Estadual.

A despeito de ter sido campeão, o Ceará não conseguiu vender a cota máster na Série B do Campeonato Brasileiro. Esse tema, aliás, será debatido internamente pelo clube ainda neste mês.

A ideia da cúpula do Ceará é conversar sobre os motivos de a cota máster não ter sido preenchida, entender o panorama e estabelecer mudanças no modelo comercial para o próximo ano.

Antes de estabelecer mudanças nas propriedades ou no modelo de captação da cota máster, o Ceará prioriza negociações para renovar os atuais aportes. O contrato com a Rihomo, por exemplo, vai apenas até o fim do ano.


Notícia Futebol Nacional Marketing Ceará Série B