O title sponsor de um torneio pode ser uma estratégia interessante para as empresas. Não se enfrenta o desgaste de patrocinar um clube em detrimento de outros e, com pagamento único, ganha-se visibilidade em todas as arenas.

O title sponsor mais bem-sucedido foi o da Barclays, que por 15 anos deu nome à Premier League. O contrato foi encerrado em 2016, mas o banco permanece como patrocinador da competição.

Com esse ativo, a Barclays se beneficiou da internacionalização da liga inglesa e ganhou reputação até em mercados onde não atua. O torneio é hoje transmitido para 212 países ou territórios, com potencial de audiência na TV de 4,7 bilhões de pessoas.

Essa é a estratégia agora da Ligue 1 para arrecadar mais. O Campeonato Francês está órfão desde a saída da Orange, em 2012. Para atrair um interessado, a agência de Dentsu, que fracassou nos últimos anos, foi substituída pela Havas SE.

Por que, então, as duas principais ligas nacionais do mundo, a inglesa e a alemã, desistiram desse ativo? Para este ano, a Premier League não pôs essa propriedade à venda. Já a Bundesliga historicamente despreza o title sponsor.

Ambas perceberam que arrecadam mais se fatiarem o patrocínio entre diversas marcas. É notório: as companhias têm receio de por dinheiro em um torneio com title sponsor. Se a questão da visibilidade beneficiou a Barclays, pode ter afastado, nesse período, muitos outros parceiros. 


Notícia Title Sponsor Premier League Bundesliga LIgue 1

Número do dia

R$ 1,3 mi

Foi a renda do São Paulo na partida contra o Corinthians; com 51 mil pessoas no Morumbi, time teve seu melhor público no ano.

Autoline

Patrocinado por


Banner

Boletim
Capa Boletim Boletim Máquina do Esporte

Receba o Boletim Máquina do Esporte por email

Cadastre-se Agora

Mais lidas

1Globo apresenta nova divisão de cotas a clubes
2CSM Brasil inaugura camarote de luxo no Allianz Parque
3Arena Corinthians aproveita seleção para promover camarotes
4Com patrocínio pontual à Ponte, Cabify faz ação de lançamento em Campinas
5Fundo dos EUA entra em venda do Milan a chineses
6Uber ativa parceria com Manchester United
7Análise: Seleção não pode amenizar momento da CBF
8Patrocinadora das Séries B e C, Elsys faz publicidade em jogo do Brasil
9São Paulo x Corinthians dá recorde de audiência à Globo no domingo
10Em São Paulo, seleção retoma prestígio com público brasileiro